"O estilo nem por sombra corresponde a um simples culto da forma, mas, muito longe disso, a uma particular concepção da arte e, mais em geral, a uma particular concepção da vida." (Leon Tolstoi)

8 de abr de 2010

Tudo o que você sempre quis saber sobre as leggings e nunca teve coragem de perguntar

Tudo o que você sempre quis saber sobre as leggings e nunca teve coragem de perguntar

lULUS matéria que esclarecerá todas as suas dúvidas sobre a legging, peça que virou febre na moda e nas ruas e pode ser usada nas mais diversas ocasiões, em produções de vários estilos. A seguir, dez sobre as leggings que provavelmente você sempre quis fazer mas nunca teve coragem (ou oportunidade). Aproveite as respostas e invista neste item que pode virar um verdadeiro coringa das suas produções.


1. O que é uma legging?
Legging (pronuncia-se léguin) é uma calça bem justa de material elástico, que gruda no corpo. Não é “leg”. Leg é “perna” em inglês, de onde veio o termo “legging”. Também não é calça fuseau ou fusô, que é aquela com uma alça que se prende ao calcanhar.
Ela ficou na moda nos anos 80 e voltou à moda, por conta do revival oitentista. Pode ser usada em diversos comprimentos, sempre abaixo do joelho. As calças justas acima do joelho são as bermudas ciclistas ou só “ciclistas”.


2. Eu não fico ridícula usando isso?
Pode até ficar, pois não é uma peça simples de se usar. Ela é normalmente confeccionada em malhas leves e pode marcar cada detalhe do seu corpo: celulite, pneuzinhos, virilha; fica tudo em evidência. Portanto, quando for escolher o seu modelo verifique que o material não seja muito mole ou transparente. Mesmo na academia! Você já deve ter sido testemunha de algum bumbum em posição pouco respeitável, que além da celulite, deixava aparentes rendas da calcinha. Imperdoável.
Portanto, certifique-se que o material da sua legging seja firme, numa cor suficientemente escura e garanta que a calcinha não fique marcando: procure modelos fio-dental para usar sob a calça, é o correto nesses casos.


3. Ouvi dizer que a legging veio substituir a skinny. Devo deletar as minhas skinnies?
Não precisa, não. A legging e outras calças justas são a evolução de um mesmo “desejo de moda”, que são as pernas sem volume, mas com comprimento, alongando a silhueta. Repare também como os saltos estão altos, fazem parte do mesmo pensamento estético. Mantenha e use muito suas skinnies ainda.


4. Como posso usar a legging?
Além do material e da cor, certifique-se de cobrir o bumbum e a virilha. Pode deixar à mostra se você estiver bem magrinha e for jovem. Ainda assim, verifique bem no espelho, de frente, costas e dos dois lados se não está mostrando ou marcando demais.


Como “acompanhamento”, há diversas opções sempre soltas no corpo: camisa masculina, bata, camiseta, paletó, túnica, saia, vestido e até short. Confesso que o look legging+short me deixa um pouco perplexa, mas muitas vezes pode funcionar. Você precisa é saber combinar.


O mais fácil é com camisa masculina, branca, azul clara, rosa e outros tons clássicos. Pode acrescentar um colete, jaqueta e até paletó. O comprimento deve ser longo ou capri. Com bata (que insiste em sobreviver) também é fácil – batinha leve, estampada, combinando com a cor da legging e a carteira colorida. Usada com camiseta já é mais complicado. Eu explico: as leggings só ficam legais em certas proporções. Camisetas de malhas legais, um pouco transparentes, com mangas mais volumosas, ficam bonitas na altura do quadril. A T-shirt fica legal desde que seja fashion, não aquelas grandonas de meia malha, duras, retas. As T-shirts ficam boas mais longas e ajustadas, podem até franzir no quadril. Podem ser produzidas com jaquetas mais certinhas, cachecol e paletó. Evite miniblusa ou camiseta de um-ombro-só; fica um pouco cafoninha. As túnicas podem ser drapeadas ou retas, estampadas ou lisas. Se usar à noite, o modelo pode ser um pouco transparente ou com brilhos. A legging é bacana para ser usada com minissaia. Se você for jovem pode ousar em vestidos soltos e floridos e minissaias acinturadas. Se tiver mais idade, procure usar modelos um pouco mais sérios, mais retos e lisos.


5. Posso usar a legging em qualquer ocasião?
Pode sim, desde que você adapte a produção e o tipo de legging para cada local e horário do dia.
As leggings são muito usadas na academia e lá o uso é bem livre. Se bem que você pode acender a luz vermelha para modelos em tecido muito molinhos, transparentes ou muito claros, que não ficam bem em ninguém. Brinque com as cores, para não chorar de monotonia enquanto conta seus abdominais.
Para ocasiões de trabalho as opções mais básicas e clássicas, discretas mesmo, são as melhores. Nem pense em usar com blusa curta ou modelos estampadas. Prefira camisa masculina ou blaser.
Para o lazer, as coloridas e estampadas estão liberadas, mesmo para as mulheres mais velhas, desde que combinadas e discretas. Nada de legging branca com florzinha roxa, por favor! Pode acreditar, já vi de monte!
À noite todos os gatos são pardos, você pode abusar um pouco mais. Os brilhos, as amarrações e as taxas são permitidos. Até o short com a legging, vai, tudo bem.


6. Qual o sapato adequado para usar legging?
O que vai definir o sapato a ser usado é o comprimento da legging e a produção.
Vale ankle boots, botinhas e coturnos com leggings de comprimentos longos para as mais jovens, com sobreposição de jaqueta, vestido ou saias curtinhas, que têm uma pegada rocker.
Valem as sapatilhas, para os comprimentos capri, com camiseta navy, como no filme “Sabrina”. Valem também os escarpins, desde que o comprimento da calça seja longo, e pode ir com tudo: jaqueta, paletó, camisa e cardigans.
As sandálias altas ficam bacanas nos looks mais casuais ou então no glamour da balada. Uma tendência que continua para o inverno são as sandálias abotinadas. Combinadas com legging, camiseta e jaqueta, ou legging e saia de cintura alta, alta, deixa a produção ultra moderna e descontraída.
Combinar a legging com um peep-toe deixa a produção com um ar rockabilly, vale usar com vestidinhos tomara-que-caia, saias altas e modelos acinturados.


7. O que é uma wet legging?
É uma legging que pode ser feita de cirré, ou outro material com efeito emborrachado, que deixa a calça parecendo que está molhada. No próximo inverno, promete ser a substituta do metalizado.


8. O que é uma jegging?
É o termo (infeliz, por sinal, em português) que mistura jeans + legging. Um jeans colante considerado o sucessor da skinny. São feitas em tecido elástico, mas firme, e muitas vezes possui o desenho das costuras do jeans. As jeggings mais legais têm lavagem clarinha e elástico na cintura. Já está sendo considerada uma febre fashion.


9. Como posso usar legging estampada?
As leggings ou meia-calças estampadas podem ser usadas num mix de estampas ou então com uma peça lisa. Se for optar pelo mix, combine as cores e certifique-se de que as estampas combinam. Cuidado! Se você tiver perna grossa, não fica legal.

10. Eu sou gordinha e tenho quadril largo e perna grossa. Li em várias matérias de moda que a legging serve para qualquer uma. Serve para mim também?
Até você pode usar a legging se fizer as escolhas certas. Prefira as calças lisas e em cores escuras e looks monocromáticos. Cubra o quadril e escolha tops larguinhos e sobreposições.
Use legging comprida e de tecido firme, sem muito brilho. Combine com sandália de salto grosso e alto ou escarpin bicudo, que alonga a figura.


FONTE Mariana Rocha é consultora de moda, formada e pós-graduada pela Faculdade Santa Marcelina, onde é professora e pesquisadora de moda.

Nenhum comentário: